Open/Close Menu Marcos Martins Advogados tem desenvolvido, ao longo de sua trajetória, perfil altamente especializado na prestação de serviços jurídicos.

O escritório é referência para opiniões em diversos veículos importantes da imprensa CONFIRA Na Mídia Ebook LGPD Clique para download Podcast Direito ao Negócio Ouça aqui

Bárbara de Alcântara Mattos
Advogada do Escritório Marcos Martins Advogados

Devedores de tributos passam a ter maior facilidade de propor transação tributária com a União após decisão liminar que afastou limitações impostas por Portaria da Procuradoria Geral da Fazenda Nacional.

Referida Portaria, de nº 9.917/2020, determinou que a transação de débitos inferiores a R$ 15.000.000,00 (quinze milhões de reais) seria realizada exclusivamente por adesão, ou seja, nestes casos não poderia o contribuinte oferecer propostas individuais, mas tão somente acolher às deliberações do órgão.

Ao analisar ação ajuizada pela Associação Brasileira dos Contribuintes, o Juízo da 9ª Vara Federal de São Paulo suspendeu, em decisão liminar, os efeitos desta determinação da Procuradoria Geral da Fazenda Nacional, por entender que seria ilegal impossibilitar a negociação de débitos, independentemente do valor a ele atribuído.

A decisão apontada é a primeira manifestação judicial que permite que contribuintes que possuam dívidas inferiores a R$ 15.000.000,00 (quinze milhões de reais), vislumbrem a possibilidade de flexibilizar suas negociações junto à União da maneira mais adequada a sua disponibilidade financeira.

O escritório Marcos Martins Advogados coloca a sua equipe tributária à disposição para sanar dúvidas sobre o tema.

 Dúvidas? Fale com nossos advogados e receba orientações.

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Compartilhe nosso conteúdo
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
logo-footer